Prefeito Abelardo Vaz presta contas da gestão da prefeitura exercício 2017

Depois de pagar diversas dívidas deixadas pela gestão anterior, o prefeito Abelardo apresentou saldo positivo, ultrapassando R$ 18,3 milhões em caixa, no primeiro ano de sua administração

O prefeito da cidade de Inhumas Abelardo Vaz presta contas a comunidade referente a gestão da prefeitura em 2017. Com o auditório da Câmara Municipal lotado, na tarde do dia 23 de janeiro, o prefeito informou os gastos e, depois de muitos anos, a prefeitura de Inhumas fechou com saldo positivo, mesmo após pagar inúmeras dívidas deixadas pela gestão anterior

Ao iniciar a prestação de contas Abelardo faz um breve relato de como a prefeitura foi entregue para a atual gestão: “Nós assumimos a prefeitura no dia 01 de janeiro de 2017, e percebemos que o ano anterior de 2016, a prefeitura teve uma dificuldade fiscal e orçamentaria muito grande, gastou-se muito mais que arrecadou, isso gerou um déficit no ano de 2016, no valor maior que R$ 20 milhões. E, quando nós analisamos estes números, nós percebemos que teríamos duas opções, ou iniciar o ano de 2017 a todo vapor e passar 4 anos tendo dificuldades financeiras orçamentarias, ou buscar o apoio da Câmara, população e servidores, dando uma pisada no freio no ano de 2017, e depois passar 3 anos levando inúmeros benefícios para nossa população (…) Na prefeitura a todo momento você tem situações novas, que você tem que aplicar recursos, ou recursos que são bloqueados, é preciso ter o caixa para que isso não traga transtornos para nossa população. Vou dar um exemplo, quando nós estávamos prontos para pagar a folha do mês de dezembro, no ano passado, de 2017, nós recebemos um bloqueio nas contas da prefeitura de R$ 500 mil, para pagar dívidas que a prefeitura fez com hospitais e laboratórios do município no ano de 2016, se a prefeitura não tivesse equilibrado as finanças, o salário de dezembro, não teria sido pago, só foi pago porque o valor bloqueado não trouxe qualquer efeito com relação a possibilidade de não fazer o pagamento da folha, hoje mesmo, chegou mandato de bloqueio no valor de R$ 13 mil, de contas de 2016, então nós precisávamos fazer com que este ajuste fiscal pudesse acontecer”, relata o prefeito.

*Finalização da obra do conselho tutelar;

*Reconstrução do centro de abastecimento farmacêutico da prefeitura, no valor de mais 109 mil;

*Aquisição de 60 computadores utilizados em todas as unidades de saúde na implantação do prontuário eletrônico dos pacientes, no valor de R$ 65.000,00.

 O prefeito relatou que gastou com aquisição de veículos um total de

R$   846.493,00.

01-Prestação2

Foram feitos investimento com recursos próprios do município, em reforma e ampliação das escolas e creches, no valor de R$ 1.083.000,00.

02-Prestação2

*Na área da saúde foram adquiridos diversos equipamentos, no valor de R$ 500 mil;

03-Prestação2

Antes de apresentar os resultados, o prefeito agradeceu o empenho de todos os vereadores, servidores da prefeitura, o deputado federal Roberto Balestra e deputado estadual Lucas Calil, que foram fundamentais para que este resultado fosse obtido.

De acordo com Abelardo Vaz, após identificar e pagar todas contas em atraso aos servidores e prestadores de serviços, o gestor e sua equipe buscaram em 2017 o equilíbrio fiscal para que em 2018, a prefeitura pudesse receber inúmeros investimentos, e este equilíbrio foi conseguido com o apoio do deputado Roberto Balestra, deputado Lucas Calil, e todos os vereadores. “Nós fechamos o ano de 2017 com recursos economizados pela prefeitura na ordem de R$ 18.353.203,09, este é o recurso que estão nos caixas da prefeitura, para que nós possamos fazer investimentos para nossa população. Deste recurso, R$ 9.115.000,00 é da prefeitura e pode investir em qualquer área. Já R$ 7.900.000,00 é da área da Saúde, agradecemos ao deputado Balestra pela emenda de R$ 2 milhões que está dentro desta economia que fizemos, investimento já foram feitos, mas também entra nas nossas economias feitas, na área de Assistência Social para investimento, nós temos R$ 771.440,00, no Fundeb mesmo com todos investimentos que nós fizemos em nossas escolas, nós ainda temos, R$ 527 mil reais, e no Fundo da Infância R$ 26.047,00”, explica Abelardo.

Para surpresa da população, os números apresentados superaram todas as expectativas da população que temia um grande buraco financeiro, devido a situação outrora deixada.

Os servidores e pensionistas, ficaram aliviados com os resultados Fumpresi -Fundo de Previdência- o prefeito explicou que foram feitas uma requalificação e a repactuação da dívida que aconteceu de 2013 as 2016.” Estamos pagando em dia, fizemos a transferência de todos os recursos rendidos ao fundo, no ano de 2017. Nós temos hoje no fundo de previdência R$ 18.067.000,00, para a garantia dos nossos servidores”, informa Abelardo.

O prefeito ressaltou que os índices constitucionais que a prefeitura tem para aplicar mensalmente, todos foram aplicados corretamente, na Saúde 15,3%, na Educação 31,71% e na folha de pagamento 51,84%.

  Abelardo comenta sobre o novo desafio, mas, está otimista, “Nós temos esse ano que fazer o pagamento da diferença do salário mínimo que foi aprovado para janeiro, então temos que fazer este aumento dos nossos servidores, e, tenho o compromisso de pagar o piso salário dos professores de 2017 e 2018, ainda este ano, só estes aumentos elevaram as nossas folhas para 56%”, informa.

    O prefeito determinou sua equipe a buscar medidas para que o percentual permitido a gastar com folha de pagamento, não seja ultrapassado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *